2° Desafio Fitness Racing teve 16 pilotos de 11 categorias diferentes

Foto: Marcus Cicarello

Com 16 pilotos de 11 categorias diferentes, a segunda edição do Desafio Fitness Racing marcou o início da temporada de 2019 no automobilismo. Com o objetivo de testar os limites físicos, a concentração e adaptação dos pilotos, a prova promovida pela Fitness Racing (academia especializada em treinamento para pilotos de automobilismo) foi realizada em uma pista de kart de dois andares e teve a vitória de Gabriel Dias, que representava a F-3 Inglesa. Destaque para pilotos do Automobilismo Virtual que surpreenderam durante a etapa.

O Desafio começou no meio da tarde de sábado e reuniu um ótimo público no Fast Lap Kart Indoor. Estavam representadas as seguintes categorias: Fórmula 3 inglesa (Gabriel Dias), Fórmula 3 nacional (Leonardo Souza), Stock Car Light (Gustavo Frigotto), Sprint Race (Kau Machado), Turismo Cearense (Fernando Pessoa), Endurance (Nicolas Salmini), Rally de Velocidade (Leo Zettel), Automobilismo Virtual (Rodrigo Baronio, Rodrigo Luiz, Gabriel Caveghagni e Yuri Bascopé), Kart (Pedro Aizza, Bruno Risseto e Leonardo Roth), Turismo 1.6 (Luizinho Brambila) e Coach Esportivo (Loir Costa).

Depois de seis baterias realizadas durante a tarde de sábado (16/02), Gabriel Dias foi o vencedor da 2ª edição do Desafio Fitness Racing. Representando a F-3 Inglesa, Dias era o vice-campeão e desta vez garantiu o título chegando uma vez em primeiro e duas na segunda colocação. Entre as categorias, o Automobilismo Virtual surpreendeu chegando em segundo com Rodrigo Baronio. O primeiro Campeão do Desafio, Luizinho Brambila foi o terceiro colocado representando a categoria Turismo 1.6, seguido de Gustavo Frigotto, piloto da Stock Car Light. O único piloto a vencer duas baterias foi o kartista Pedro Aizza, porém com uma quebra chegou na quinta colocação. O ponto alto deste formato de corrida é a dificuldade. “Além de ser uma pista de dois andares é também muito técnica, exige concentração, bom preparo físico e rápida adaptação, pois os pilotos saem de suas categorias originais para enfrentar uma corrida em igualdade, porém com equipamentos desconhecidos”, declarou Loir Costa, organizador da prova.

A segunda edição teve cobertura do Acelera TV com apoio do Fast Lap Kart Indoor, Água da Serra e WZ Marketing Motorsport, com a organização e realização da Academia Fitness Racing.

Como foi cada bateria

Bateria 01

Para as duas primeiras baterias os pilotos tiveram 5 minutos de tomada de tempo, já sendo usada para aquecimento dos pneus, reconhecimento da pista e do kart. Depois disso eram 12 minutos de corrida.

Na primeira bateria foram oito pilotos na pista e a ordem de largada ficou assim:

1. Luizinho Bramila
2. Gustavo Frigotto
3. Rodrigo Luiz
4. Loir Costa
5. Fernando Pessoa
6. Pedro Aizza
7. Rodrigo Baronio
8. Gabriel Caveghagni

Da ordem de largada três pilotos se mantiveram na mesma posição, Rodrigo Luiz, Fernando Pessoa e Gabriel Caveghagni. Os dois primeiros colocados trocaram de posição e proporcionaram a disputa da prova, que durou até a última volta.

Resultado da Bateria 01:

1. Gustavo Frigotto
2. Luizinho Brambila
3. Rodrigo Luiz
4. Rodrigo Baronio
5. Fernando Pessoa
6. Loir Costa
7. Pedro Aizza
8. Gabriel Caveghagni

Bateria 02

Seguindo a mesma regra da primeira bateria foram 5 minutos de tomada de tempo, reconhecimento de pista e aquecimento dos pneus. Encerada a tomada de tempo a ordem de largada foi:

1. Kau Machado
2. Gabriel Dias
3. Nicolas Salmini
4. Bruno Risseto
5. Leo Zettel
6. Leonardo Roth
7. Yuri Bascopé
8. Leonardo Souza

O destaque da prova foi Gabriel Dias, que venceu e colocou uma volta em cima do segundo colocado. Com uma quebra, Kau Machado não encerrou a prova.

Resultado da Bateria 02:

1. Gabriel Dias
2. Bruno Risseto
3. Leo Zettel
4. Leonardo Roth
5. Yuri Bascopé
6. Nicolas Salmini
7. Leonardo de Souza
8. Kau Machado

Bateria 03

Desta vez as baterias foram mescladas e os pilotos passaram a competir com um chaveamento em que os resultados das duas primeiras eram utilizados para o confronto. As disputas eram entre os melhores de cada bateria e depois melhores classificados enfrentavam os piores resultados. Na terceira bateria, já sem tomada de tempo, a ordem de largada foi:

1. Pedro Aizza
2. Kau Machado
3. Leonardo Souza
4. Loir Costa
5. Gabriel Caveghagni
6. Yuri Bascopé
7. Fernando Pessoa

Nicolas Salmini estava lesionado e tentou participar da corrida, mas com dores abandonou o desafio. Várias batidas logo no começo da corrida deram boa vantagem à Pedro Aizza, que venceu com folga esta bateria.

Resultado da Bateria 03

1. Pedro Aizza
2. Fernando Pessoa
3. Leonardo de Souza
4. Gabriel Caveghagni
5. Loir da Costa
6. Kau Machado
7. Yuri Bascopé

Bateria 04

Nesta bateria dois fatos marcaram a corrida. A disputa intensa entre Gustavo Frigotto e Luiz Brambila na primeira bateria se repetiu, mas desta vez no meio do pelotão e envolvendo outros pilotos e alguns “enroscos” durante a prova. Outro destaque foi para o ótimo desempenho do piloto de Automobilismo Virtual, Rodrigo Baronio, que venceu a disputa.

Ordem de largada:

1. Gustavo Frigotto
2. Yuri Bascopé
3. Kau Machado
4. Rodrigo Baronio
5. Leo Souza
6. Rodrigo Luiz
7. Luiz Brambila

Resultado da Bateria 04

1. Rodrigo Baronio
2. Leo Souza
3. Guastavo Frigotto
4. Luizinho Brambila
5. Yuri Bascopé
6. Rodrigo Luiz
7. Kau Machado

Bateria 05

Esta também foi uma bateria de tirar o fôlego dos pilotos e de quem assistia a corrida. Várias batidas desde o início da corrida davam o tom do que seria a penúltima batalha do dia e com a pontuação muito próxima entre os pilotos. Pedro Aizza venceu pela segunda vez. Quem teve grande vantagem foi Gabriel Dias, que largou em último e terminou na segunda colocação, porém teria mais uma corrida para somar pontos. Chegada emocionante dos pilotos Leonardo Zettel e Bruno Risseto. Zettel foi alcançado nas últimas voltas e Risseto tentava a ultrapassagem de todo jeito. Zettel defendeu bem a posição e terminou na terceira colocação.

Ordem de largada:

1. Pedro Aizza
2. Gabriel Caveghagni
3. Loir Costa
4. Fernando Pessoa
5. Leonardo Roth
6. Leo Zettel
7. Bruno Risseto
8. Gabriel Dias

Resultado da Bateria 05

1. Pedro Aizza
2. Gabriel Dias
3. Leo Zettel
4. Bruno Risseto
5. Fernando Pessoa
6. Gabriel Caveghagni
7. Leonardo Roth
8. Loir Costa

Bateria 06

A bateria final foi sem dúvida a mais emocionante. Dos oito pilotos na pista, sete tinham chances de levar o título. Somado a isso, do lado de fora existia a “torcida” por uma combinação de resultados dos pilotos que já haviam encerrado as provas. E foi uma bateria muito disputada, com os pilotos que vinham sendo os mais rápidos largando atrás, mas tendo pela frente somente pilotos de alto nível. Doze minutos para decidir tudo, e teve batida, rodada, piloto travado nos pneus, ultrapassagens ousadas e algumas punições. Largando em penúltimo e chegando na segunda colocação, Gabriel Dias sagrou-se Campeão do 2° Desafio Fitness Racing.

Ordem de Largada:

1. Leonardo Roth
2. Rodrigo Baronio
3. Leo Zettel
4. Rodrigo Luiz
5. Bruno Risseto
6. Luiz Brambila
7. Gabriel Dias
8. Gustavo Frigotto

Resultado da Bateria 06

1. Luizinho Brambila
2. Gabriel Dias
3. Rodrigo Baronio
4. Rodrigo Luiz
5. Gustavo Frigotto
6. Leonardo Roth
7. Bruno Risseto
8. Leo Zettel

Houve quatro empates na pontuação que, pelo regulamento, foi desempatado pela volta mais rápida durante o Desafio, destacando o equilíbrio da competição.

Pontuação Final:

1. Gabriel Dias – F-3 Inglesa – 28 Pts
2. Rodrigo Baronio – Automobilismo Virtual – 25 Pts
3. Luiz Brambila – Turismo 1.6 – 24 Pts
4. Gustavo Frigotto – Stock Car Light – 24 Pts
5. Pedro Aizza – Kart – 23 Pts
6. Rodrigo Luiz – Automobilismo Virtual – 21 Pts
7. Leonardo Souza – F-3 – 21 Pts
8. Bruno Risseto – Kart – 20 Pts
9. Fernando Pessoa – Turismo Cearense – 20 Pts
10. Leo Zettel – Rally de Velocidade – 19 Pts
11. Leonardo Roth – Kart – 18 Pts
12. Yuri Bascopé – Automobilismo Virtual – 16 Pts
13. Gabriel Caveghagni – Automobilismo Virtual – 15 Pts
14. Kau Machado – Sprint Race – 13 Pts
15. Loir Costa – Coach Esportivo – 13 Pts
16. Nicolas Salmini – Endurance – 05 Pts

Notícias


Balneário Camboriú é a sede da 2ª rodada da Copa RNK 2019

Pela terceira vez o kartódromo Speedway, em Balneário Camboriú – SC, será a sede de uma rodada da Copa RNK de Kart. A corrida será válida pela 2ª rodada do primeiro turno de 2019 e deve levar mais de 80 pilotos para a pista entre Copa RNK e APA Challenge.

Leia Mais...

Temporada 2019 da Copa RNK começou em Florianópolis com 63 pilotos

Foto: Marcelo Shuartes Com seis vencedores diferentes em seis corridas, a Copa RNK de Kart começou no Kartódromo dos Ingleses em alto nível de organização, estrutura, competitividade e visibilidade. Com nova formatação priorizando as disputas, apenas quatro pilotos subiram duas vezes ao pódio.

Leia Mais...

Piloto revela sua ligação com um número nada convencional

Foto: Juliano Cunha Desde pequeno Ale Zaiczuk tem admiração por um número cercado de misticismo. Usou este número no Kart, na motovelocidade, no Marcas e atualmente, uma grande coincidência o leva a acreditar que a sorte o favorece com este numeral. Além de tudo, uma ligação com outro número utilizado pelo...

Leia Mais...

Newsletter

Contato

Para saber mais sobre como explorar todo o potencial do Marketing Motorsport, entre em contato conosco: